A Itália está com restrições em suas fronteiras devido a situação da Pandemia causada pelo Coronavírus.

Segundo o site da LATAM, para os passageiros que chegam de avião há restrição de embarque aos que visitaram, transitaram ou realizaram conexão (mesmo que tenha permanecido na sala de embarque) nos últimos 14 dias pela Arménia, Bahrein, Bangladeche, Brazil, Bósnia-Herzegovina, Chile, Kuwait, Macedónia do Norte, Moldava, Oman, Panamá, Peru, Republica Dominicana.

 

Os seguintes passageiros estão isentos da restrição anterior:

·         Italianos residentes ( que comprovam residência).

·         Passageiros que viajam por emergências médicas.

·         Profissionais de saúde em serviço.

·         Passageiros que viajam por motivos de emergência.

·         Passageiros que retornam aos seus países de residência via Itália.

 

Todos os passageiros que entram no país devem:

·         Cumprir 14 dias de isolamento.

·         Verificar antes do voo as condições de entrada relatadas no site do ministério da saúde (www.salute.gov.it) e / ou na autoridade de aviação civil italiana (www.enac.gov.it)

·         Preencher os seguintes documentos; O não envio desses documentos é motivo para recusa de embarque.

Autodichiarazione ai Sensi Degli Artt. 46 E 47 D.P.R. N. 445/2000 (link)

Autodichiarazione Giustificativa Dello Spostamento In Caso Di Entrata In Italia Dall’estero (link)

·         Os passageiros em trânsito com destino final em outro país, dentro ou fora da União Europeia, são obrigados a informar à companhia aérea os motivos da viagem, a duração da estadia na Itália e o local de destino final, juntamente com o documento de viagem e o meios de transporte para chegar lá, bem como um número de telefone / celular.